Linhas de Pesquisa

Antropologia Visual e da comunicação

Produção e usos da imagem. Estudo da imagem e das produções audiovisuais em uma perspectiva antropológica: etnografias de tela,  vídeo documentário e etnográfico, mídia televisiva, fotografia, e outras expressões audiovisuais contemporâneas

Antropologia urbana e do patrimônio

 Mudanças espaciais, sociais e culturais na cidade contemporânea. Processos e fenômenos relacionados ao espaço urbano tais como: migrações, turismo, alimentação, consumo e moda, lazer, performances urbanas, sociabilidades, usos e apropriações dos espaços públicos e privados. Questões patrimoniais relativas à processos de “construção” e “preservação” cultural. Urbanismo, habitação popular e de camadas médias. Reabilitações urbanas. Estudos de patrimonialização em América Latina.

Arte, etnomusicologia e performance

 Diversidade da música e das artes plásticas à luz das teorias antropológicas. Repertórios históricos e contemporâneos. Diversidade das teorias estéticas, e sua relação com os estudos etnológicos. Estudo das diferentes abordagens teórico-metodológicas da noção de performance. Estudos de performance, centrados em manifestações expressivas e poéticas como rituais, festas, narrativas orais, música, dança, teatro, vídeos e fotografias, performances políticas e arte indígena.

Etnologia e etnohistoria

Estudo compreensivo e comparativo das sociedades e culturas especial mas não exclusivamente ameríndias. Manifestações simbólicas, parentesco e organização social, relações interétnicas, e contextos ambientais. Reflexão sobre a historicidade das culturas ameríndias. Transformações contemporâneas das sociedades/culturas indígenas. Movimento indígena, política indigenista e indianista. Questões relativas ao estudo histórico de povos ágrafos. Questões teóricas e metodológicas da relação entre Antropologia e História.

História da Antropologia

Modelos teórico-metodológicos na Antropologia. Trajetórias intelectuais dos autores. Paradigmas, genealogias, escolas e estilos, com atenção à troca interdisciplinar e às redes institucionais e políticas.

Identidade, Etnicidade e Migração

Constituição de grupos étnicos e suas interações. Debates sobre raça e etnia. Racismo. Estudo sobre o negro no Brasil. Comunidades quilombolas.  Comunidades imigrantes e haliêuticas em SC.

Parentesco, família, gênero e sexualidade

Teorias antropológicas sobre o parentesco. Sistemas de parentesco e sócio-cosmologia. Socialidade e sociabilidade. Abordagens antropológicas do gênero e da sexualidade e suas interfaces com outros marcadores sociais da diferença. Antropologia feminista e sua contribuição para o campo antropológico.

Políticas públicas e sociais, justiça e direitos humanos

Percepções de direito e justiça. Jogos de poder entre atores desiguais. Acepções da cidadania nas práticas individuais e sociais. Relações entre a cidadania e os órgãos do Estado. Políticas sociais, assistência, inclusão. Grandes projetos públicos e privados e populações locais. Políticas do multiculturalismo.

Religião, cosmologia e ritual.

Teorias sobre simbolismo, cosmologia e valores. Ritual, performance e experiência religiosa. Crítica antropológica do conceito de religião. Missão e conversão. Estudo de sistemas e práticas religiosas em suas dimensões institucional, ritual, mitológica.  Campo religioso brasileiro e internacional. Novos movimentos religiosos.

Saúde, doença e corporalidade

Concepções de corpo. Práticas e noções de construção do corpo, técnicas corporais. Conceitos de saúde e doença. Recursos de cura, itinerários terapêuticos. Biomedicina e sistemas alternativos de saúde-doença. Xamanismo, terapias neo-xamánicas. Atenção diferenciada à saúde dos povos indígenas.

Subjetividade, micropolítica e movimentos contemporâneos

Reconfigurações culturais e políticas no mundo contemporâneo. Relações micropolíticas. Antropologia da Pessoa. Individualismo e modos de subjetivação. Movimentos contemporâneos, cultura local, nação e globalização. Violência interpessoal e grupal.